Assine nossa newsletter para saber de todas as nossas novidades!
Sexo: Já fez alguma viagem pela andarilho da luz? Como conheceu a Andarilho da Luz?
BUSCA
Destino
Destino
InternacionalMACHU PICCHU | Caminho Inca | Fevereiro a Outubro
Reserve Aqui!
Depoimentos
Eliane Ramos
Julho 2005
Olá INCAnsáveis amigos!

Após um longo período de retiro e “desconexão do mundo”, estou aqui de volta na rede, na teia, na trama dos velhos e “calientes” amigos andarilhos.

Sei que estou em dívida com alguns, mas tenho vivido um turbilhão de mudanças concretas e emocionais, desde a maratona transcendental de Machu Picchu.

Confesso que esse momento de retiro foi inevitável e necessário para que eu pudesse elaborar tantas experiências, desafios e prazeres vividos no Peru.

Por vezes, ainda me pego subindo a difícil trilha Inca e contemplando as inúmeras ruínas dos templos sagrados.
 
O fascínio com a inegável sabedoria do homem andino, traduzida nas suas construções materiais e espirituais ainda é algo vivo dentro de mim.

Como explicar uma sabedoria que, a despeito do tempo e de todas as tentativas de suplantação, ainda resiste e persiste na cultura de um povo e na sua forte ligação como o sagrado e com a natureza?

Talvez, não seja possível explicar, só aprender...

Contudo, para além dos mistérios que envolvem a origem e a história da civilização inca e para além de qualquer comparação que ousemos fazer com a nossa história e a nossa cultura, o que fica são os ensinamentos e a emoção dos momentos vividos, aqueles que o nosso furor e ansiedade em registrar não conseguiram traduzir.

Fragmentos e lembranças que nos remetem a um cotidiano sem máscaras, ao nosso tão saudoso “cafezinho” com pão de queijo, a uma latinidade que ainda não conseguimos identificar.

Flashs e imagens que, aos poucos, vão nos fazendo repensar a nossa relação com o mundo material e espiritual.


Fica a certeza de que essa expedição interior, que em cada um imprime um significado diverso e particular, não se encerra com o fim de um programa de viagem.

Machu Picchu, com toda a sua exuberância, vai ficando para trás, mas a história na mergulhamos e aquela que reescrevemos, juntos ou solitariamente, acredito que ainda vai persistir e “sabiamente” provocar abalos em nossas convicções acerca do mundo e de nós mesmos...

“Tô relendo minha lida, minha alma, meus amores. Tô revendo minha vida, minha luta, meus valores (...)” 
Oliveiro Panzera
Julho 2010
Bem, me inscrevi para visitar Machu Picchu, contudo, a caminhada foi tão mais significativa que a beleza da Cidade Sagrada dos Inkas, acabou sendo um tanto ofuscada pelas inúmeras maravilhas que pudemos experimentar ao longo dos dias.

Todas as ruínas, cada uma ao seu modo, marcaram profundamente e deixaram impregnadas em minha mente uma forte sensação do que possa ser a intolerância e o desejo de supremacia dos povos.

Várias foram as oportunidades significativas durante toda essa viagem, contudo não posso deixar de registrar aqui a minha surpreendente e inesperada participação, quando nosso guia peruano, me solicitou que falasse sobre os Rosacruzes para todo o Grupo, após belíssimo ritual  que havíamos passado no topo de uma das montanhas.

Foi com imensa surpresa e gratidão que recebi aquela tão inusitada incumbência. Confesso que foi algo tão importante que, creio mesmo, ter deixado a desejar. Mas foi lindo participar e falar para os meus colegas de caminhada sobre algo tão sagrado para mim.

Paguei por Machu Picchu, mas acabei levando muito mais!

Eu não fazia idéia de quão importante e agradável seria esse passeio, esperava visitar a cidade sagrada dos Inkas e a caminhada até lá fazia parte do processo, porém os passeios em Cusco e Ollantaytambo foram marcantes.

As visitas a Maras e Moray, Chinchero, agregaram muito a tudo quanto eu poderia supor.

Não fazia mesmo idéia de tantos valores agregados. Meus sinceros cumprimentos e agradecimentos ao Marcus por nos ter proporcionado tantas coisas além do que eu poderia supor. 

Abraços fortes a todos vocês dessa que é mais que uma Empresa de Ecoturismo!
Valéria Amorim do Carmo
Julho de 2012
Sinceramente, não tenho palavras para descrever o que passei na viagem: foi simplesmente, fantástico!

Falo com todos que me perguntam a respeito, acredito que todo mundo deveria viver esta experiência, foi um fabulosa viagem "para dentro".

Eu e Pedro Gabriel já estamos pensando na próxima viagem...

Um grande abraço.
Silmara Luz
Julho 2005
Peguei o ônibus, e, pela janela, percebi São Paulo, que deixei anos antes por angustia, mais leve.

Colorida. Trânsito organizado.

Nunca havia notado a quantidade de verde e flores. Ar fresco. Como que por ironia entendi Einstein e me apaixonei novamente pela minha cidade.

O inconfundível cheiro de arroz com feijão em minha casa trouxeram de volta a leve taquicardia. 

A preguiça dos vinte e três degraus que separam  meu quarto do resto da casa pareceram uma leve coceguinha. E o cansaço da viagem, apenas uma sensação de torpor do chá de coca.

No silêncio do teclado do meu computador senti a gostosura da bagunça e de descobrir o prazer de estar com cada um. 

O sorriso fácil e contagiante dos “baby alpacas”. Os desafino INCAnsáveis e irreverentes da “favela futebol clube e simpatizantes”.

O  olhar silencioso e aconchegante dos mais ligeiros.

A delicadeza sem frescura dos pacientes “alpaquitos” .

As breves conversas e descobertas de uma cultura tão fascinante e conflitante com nossos anseios.

Mas sem dúvida, nesta experiência, certamente uma das mais interessantes de minha vida, o que me tocou fundo foi ver que, enquanto eu fazia força para frear os pés para não deslizar nas pedras, eles deslizavam sobre as pedras para não fazer força com os pés.

E com toda aquela carga, ganhavam da gravidade, como que por mágica, com outra força... 

O que depois imaginei ser o que chamamos de Deus. 

Na simplicidade dos porteadores, vi o que cada um de nós tem de divino, quando superamos obstáculos pesados como a trilha. 

A vontade de continuar.

Apesar da pilha de roupa para lavar, foi irresistível... Beijos em todos...
Izabel Duarte e Stelcio Madeira
Julho 2013
Foi um passeio deslumbrante, digno de ficar para sempre em nossas memórias e nossos corações.

Foi um misto de mistério, história, civilização, cultura e costumes bem diferentes dos nossos (além da língua e da moeda). Tudo isso pontuado com paisagens incríveis e indescritíveis e o principal de tudo: as pessoas.

 
Sejam elas turistas que nem eu, carregadores peruanos dedicados e amistosos, historiadores que conhecem a fundo e tem uma forma muito tranquila de descrever e abordar a cultura inca.
 
Enfim, juntou o passeio descontraido (lugares nunca antes pisado por nós), paisagens desumanas (aí a gente sente o dedo de Deus) e pessoas iluminadas, especiais, únicas: foi o casamento perfeito!

Parabéns!!!
Renato Tarcisio Campos Nunes
Julho de 2012
A viagem foi maravilhosa. Cuzco é uma cidade especial e com muitos atrativos.

A trilha Inca é muito mais que uma caminhada, as paisagens são de tirar o fôlego e a emoção é marcante durante toda a peregrinação.

Nosso guia e Marcus foram perfeitos na condução do grupo, que era composto por andarilhos animados e de altíssimo astral. No mais, agradeço pela atenção e carinho dispensado, ansioso por novas aventuras.

Um abraço para todos!
Cassia Lafeta Couto de Carvalho
Julho de 2012
A organização foi excelente - tudo funcionou a contento. Hotéis e traslados foram organizados e perfeitos.
Marcus, como sempre, gentil e atencioso com todos.

Eu, particularmente, gostei muito do guia.
No mais, parabéns a todos e obrigada por nos proporcionar uma viagem tranquila e muito bacana.
Paulo Sérgio Brasil Orsini
Julho de 2012
Adorei a viagem, deu tudo certo.
A  Andarilho esta de parabéns, com toda a programação e com a equipe de apoio.
Conforme já falei com o Marcus, a parceria com o guia foi nota 10: o cara é excelente como guia e como professor de historia....
Estou com saudades da viagem....
Hasta la próxima... Sulpaique (Obrigado).

Abraços.
Sônia Talamoni
Julho 2010
Cheguei muito bem da viagem e confesso que gostaria de ainda estar lá. 

Gostei muito de tudo e a organização superou minhas expectativas!

O esforço do Marcus em resolver rápidamente todas as situações que envolviam tomada de decisões foi memorável.

Dos hotéis, transportes, destino e alimentação só tenho a declarar que foi tudo muito bom, os hotéis são muito confortáveis. 


Não podemos deixar de falar dos peruanos que faziam de tudo para nos recepcionar muito bem.

Tenho uma observação sobre a alimentação do caminho Inca, eles usam muito coentro que eu não gosto, mas azar o meu, porque a comida é muito boa e farta.  


Dos atrativos turísticos o que mais gostei foi, sem dúvida, o caminho Inca.
Foi uma experiência/vivência especial. Farei novamente com uma amiga, sem gripe desta vez. A travessia do caminho é muito intensa e quero repetir sem muito cansaço. Conheci pessoas especiais lá.  

Agradeço pela viagem e pelo atendimento de vocês.  
Elizabeth Maia
Julho 2010
O melhor foi o Caminho Inka, quando entramos nele já havia um novo sentido, pois o guia já havia explicado o sentido do caminho na cultura Inka.

Ali não era só um caminho, era muito mais, era o nosso próprio caminhar, nossa vivência, que cada dia ia enriquecendo cada vez mais.
 

Quando chegamos a Machu Picchu realmente foi um momento muito especial, um dos mais lindos que eu já vivi.

Uma viagem diferente, bonita apesar do cansaço.


Havia uma logística muito bem planejada, guias excelentes.
 

Parabéns a todos que contribuíram para que todo isto pudesse acontecer.
Virginia Maia
julho 2010
Bom, o que dizer da viagem?

ADOREI!!!!!!!

Os locais visitados, guias, hotéis, restaurantes escolhidos, não tenho críticas a fazer, só elogios.

Acho que acertaram ao escolher atrações alternativas, saindo do comum, de visitar apenas museus e centros de compras...

Particularmente o que me atrai é contato com a natureza, conhecer o povo do lugar, observar o dia a dia das pessoas e vivi isto nesta viagem.

O que realmente gostei mais foi a caminhada, natureza exuberante, energia de paz, silêncio, meditação e prá completar as histórias e informações do Jim, que nos proporcionou uma vivência unica.

Parabéns a todos da Andarilhos e obrigada pela ótima viagem.
Evanizia Ferreira
Julho 2010
Hotéis: ótimos, localização perfeita, funcionários delicados e atenciosos, quartos confortáveis - fiquei impressionada com o tamanho das camas - a comida deliciosa, o café da manhã farto e saboroso. Atendimento rápido e eficiente, além da beleza do hotel de Ollantaytambo.

Guias: se o  Marcus desistir de trabalhar como guia, terá emprego garantido em todos os lugares que tenha -  gente humana - é atencioso, cuidadoso, profissional, competente e "leve" como pessoa, está de parabéns.

- o guia, encarna com fidelidade o homem andino já no condor - centrado, seguro e firme.

Fomos muito felizes com os homens que cuidaram do grupo nesta trilha.

Alimentação: os restaurantes eram lindos, muito diferentes, confortáveis, música ótima e comida gostosa. Comemos bem em todos os lugares que fomos.

Atrativo Turístico: Machu Pichu e a Trilha em si, maravilhosos. 

Cidade: Aguas Calientes - muito charmosa.

- 
Vivência: adequadíssimas e preciosas, espero que os grupos possam continuar a recebê-los e merecê-los.

O passeio foi perfeito e é uma daquelas experiências que servem para fazer a nossa alma crescer.

Obrigada a ótima equipe do Andarilho da Luz que atendeu, orientou e cuidou tão bem de toda esta logística difícil e complexa.

Tenho o prazer de considerá-los meus parceiros para apoiar e curar os meus clientes.


Foi um prazer conhecê-los.
Celma Regina
Julho 2009
Nossa não sei nem o que dizer. Foi tudo muito bom. Adorei!!!

Como sempre vocês arrasaram.

E o povo lá é nota 10 também. A paz e harmonia reinam naquele lugar...

Foi muito legal!!!  Peru é o máximo!!! A Trilha Inca foi superação e aprendizagem...  
Valdeir Marques
Julho 2009
Caros Amigos!

O que dizer da nossa grande viagem? O que dizer especialmente da Trilha Inca e Machu Picchu?

É difícil traduzir em poucas palavras o que cada um sentiu ao trilhar o Caminho Inca. Cada um ali com seus pensamentos, sonhos, expectativas e, com certeza, muita felicidade no coração ao alcançar o objetivo final: Machu Picchu.

Não podemos esquecer que tudo isso teve uma emoção maior com  a companhia e as aulas emocionantes do amigo Jim, sobre a cultura Inca.
 

Amigos da Andarilho da Luz: só tenho que agradecer essa grande equipe que nos deu todas as condições para que pudéssemos concluir com êxito aquilo que nos propomos.

O trabalho de vocês é grandioso e vocês pensaram em tudo e muito mais. Existe viagem perfeita?
 
Existe.



Marcus e Cirlene: Obrigado pela atenção, o companheirismo e amizade. 


Um grande abraço a toda equipe Andarilho da Luz.  
Maria das Graças Pereira
Julho 2009
Marcus e Cirlene,
Mais uma vez vocês brilharam na organização e no roteiro. 
Tudo foi magnífico e perfeito.
Mais uma vez foi um prazer viajar com vocês.

Um grande abraço aos dois.
E também ao mais novo caminhante dos Andes: Filippe.
Miriam Rocha
Julho 2009
Olá Marcus, Cirlene e todos os "amicos brasileños"

Espero que todos tenham chegado bem e encontrado tudo direitinho nessa nossa terrinha. 

Embora tenha achado a trilha pesada e muito difícil, a viagem foi fantástica!
 

Foi uma oportunidade p/ trabalhar o desapego, a solidariedade, tempo para meditar durante a trilha e, a cada passo, a cada subida ou descida (dizem que pra baixo todo santo ajuda, mas haja panturrilha, joelho...) a sensação de superação.

No final da trilha, ao chegar na Porta do Sol, a alegria de ver Machu Picchu e o sentimento de vitória, a sensação de ter conseguido e de saber que temos uma força interior, da qual nem sempre nos damos conta. 
 

Os hotéis onde ficamos foram ótimos, os guias também, em especial, o guia deu um show.  

Foi uma verdadeira aula de História sobre a Civilização Inca, ao vivo e a cores. 


Valeu muito!!!!
Orlange Maria Brito
Julho 2005
Jamais fui "chegada" a aventuras radicais, todavia, num momento de pouca reflexão, contratei o roteiro "Trilha Inca - Machu Picchu" a ser realizado em jul/2005".

Após alguma preparação parti sem saber o que me aguardava, o que seria aquela viagem? Perguntava-me.

Como resposta, posso dizer que voltei um pouco diferente, com outros olhos sobre os seres humanos e, por que não dizer, sobre a vida.

Hoje, afirmo que optei, mesmo sem saber, por fazer daquela viagem "uma caminhada para dentro de mim" - (apropriando-me do pensamento de Marcus Pavani - Fundador da Andarilho da Luz)- cujos resultados serão colhidos pelo resto da minha vida.
 
Obrigada à Andarilho da Luz, aos companheiros de viagem e em especial ao Universo que nos brinda todos os dias com suas belezas e energias. 
Elisa Long e Cecília Parreira Orsini
21 a 28 de Julho de 2012
A viagem foi ótima, muito linda.
 
Tudo funcionou bem e gostamos dos hotéis, especialmente o Recoleta de Urubamba.  Cecília comentou com nosso guia, que foi muito bom, que era meu aniversário e eu tive até bolo e festa no encontro com Marcus e a turma da trilha Inca.

Todos da Andarilho foram muito acolhedores e carinhosos, e foi um prazer estar com eles. Tudo funcionou bem e foi muito agradável.

 Abraços.
MACHU PICCHU | Cultural Promocional| ANO TODO | 8 dias

8 dias e 7 noites

Um roteiro cultural especial para quem deseja conhecer as maravilhas da Cultura Inca.Neste programa visita-se Machu Picchu, a cidade de Cusc [...]

Saiba mais 
MACHU PICCHU | Cultural + Lago Titicaca | ANO TODO | 11 dias

11 dias| 10 noites

Um roteiro cultural especial para quem deseja conhecer as maravilhas da cultura dos Incas. Cusco foi o centro do império Inca e grandiosas construções deste período estão localizadas nesta cidade, que ainda recebeu grande influência dos conquis [...]

Saiba mais 
©2014 ANDARILHO DA LUZ Todos os direitos reservados.
Reserve Aqui!
APARTAMENTO ESCOLHIDO:INDIVIDUALDUPLOTRIPLO